18
out
07

Mentiras, Falsidade…

Pelo que deixai a mentira, e falai a verdade cada um com o seu próximo, pois somos membros uns dos outros. Irai-vos, e não pequeis; não se ponha o sol sobre a vossa ira; nem deis lugar ao Diabo. Aquele que furtava, não furte mais; antes trabalhe, fazendo com as mãos o que é bom, para que tenha o que repartir com o que tem necessidade. Não saia da vossa boca nenhuma palavra torpe, mas ó a que seja boa para a necessária edificação, a fim de que ministre graça aos que a ouvem. E não entristeçais o Espírito Santo de Deus, no qual fostes selados para o dia da redenção. Toda a amargura, e cólera, e ira, e gritaria, e blasfêmia sejam tiradas dentre vós, bem como toda a malícia. Antes sejais bondosos uns para com os outros, compassivos, perdoando-vos uns aos outros, como também Deus vos perdoou em Cristo”. (Efésios 4.25-32) Paulo está dizendo que alguém se converte, tem de despojar-se de sua vida antiga como alguém se despoja de uma roupa que não usará mais. Ele indica o que deve desaparecer quando alguém se torna um verdadeiro cristão:

Não deve haver mais falsidade.

No mundo existem muitos tipos de mentiras. Há mentira nas conversas e na palavra. Algumas vezes essa mentira é deliberada e outras, inconsciente. De um livro sobre educação, extraímos o seguinte conselho para educação das crianças: “Acostumem constantemente seus filhos a isto (dizer a verdade); se uma coisa acontece junto a uma janela e elas ao relatar dizem que sucedeu outra, não deixem isso passar, mas corrijam no momento; não se sabe onde irá parar o desvio da verdade… se há tanta falsidade no mundo, se deve mais ao descuido da verdade do que a mentira intencionada”.

Temos de nos acostumar a dizer sempre a verdade. É fácil tornar um relato mais interessante acrescentando a ele alguns detalhes; é fácil fraudar uma história quando lhe dispensamos uma omissão ou ação.

É certo que o mundo está cheio de uma falsidade quase inconsciente e que a verdade exige um esforço deliberado, porém não só existe mentira na conversação, mas também no silêncio, sendo essa muito mais comum. André Maurois, em uma frase memorável fala da “ameaça das coisas não ditas”.

Pode acontecer que em uma discussão alguém fique calado quando deveria falar e que pelo silêncio aprove uma ação que seja injusta. Pode ser que alguém se abstenha de uma admoestação ou reprovação quando sabe perfeitamente que deveria fazê-lo. Por mais que se tente justificar coisas desse tipo, elas revelam falta de caráter cristão. O homem pode sufocar a verdade com o silêncio, assim como pode disfarçá-la com as palavras.

O apóstolo Paulo diz: somos todos membros de um só corpo. Só podemos viver em segurança se nossos sentidos e nervos transmitem ao cérebro mensagens verdadeiras. Se as mensagens que transmitem são falsas, se, por exemplo, comunicam ao cérebro que algo está frio e se pode tocar, quando de fato está quente e queima, a vida, muito cedo chegará ao fim. Um corpo só pode funcionar devidamente e saudável, quando cada parte transmite ao cérebro e as demais partes uma mensagem verdadeira.

Logo, se estamos ligados em um corpo, este corpo só pode funcionar quando dizemos a verdade. Todo engano, toda mentira e toda falsidade prejudicam a obra do corpo de Cristo.

É interessante compreender que não existe o que se pode chamar de “falsidade particular”, ou seja, uma mentira ou uma falsidade não prejudica somente a pessoa que a pratica. Ela é como um veneno, que se espalha lenta ou apressadamente, por todo o corpo. Quantas famílias, igrejas, empresas, ou comunidades, têm sido atingidas pela falsidade de apenas uma pessoa? Uma pequena porção de fermento leveda toda a massa.

Há quem use a falsidade para tirar proveitos. Muitas pessoas afirmam certas coisas ou deixam de afirmar outras para levar vantagens, obter lucros, ascensão social, desmoralizar outras pessoas, etc. Essa parece ser a ética do mundo. Rui Barbosa, o grande jurista brasileiro, afirmou certa vez, dentre outras coisas, que de tanto ver triunfar a mentira e a falsidade, tinha até vergonha de ser honesto.

De fato, a pessoa comum muitas vezes se sente, na nossa sociedade, quase obrigada a ser falsa. A mentira, o engodo, o engano, a falsa aparência, a esnobação e a desfaçatez são gêneros de primeira necessidade nos relacionamentos entre as pessoas. Não dá para deixar de atribuir esse tipo de comportamento ao diabo.

A Bíblia nos adverte contra a falsidade: Cada um fala com falsidade ao seu próximo; falam com lábios lisonjeiros e coração dobre. (Salmo 12.2)

Desvia de mim o caminho da falsidade, e ensina-me benignidade a tua lei. (Salmo 119.29).

Anúncios

0 Responses to “Mentiras, Falsidade…”



  1. Deixe um comentário

Deixe seu relatório investigativo, ou mande beijo; dê seu palpite, ou bronca. Mas fale sério comigo!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


Leitores do Blog:

  • 4,904,599 Visitantes

Visitantes Online

visitor stats

Seguir Fastlove:

Siga-me no Facebook

Dona do Blog:

Quem sou eu?
Aspiro com o dia em que não incomodarei as pessoas com minha sinceridade. No dia em que as pessoas não terão medo e nem vergonha de expor sua essência – dizer o que realmente pensam e querem. O fim da hipocrisia, do sujeito oblíquo. Com calma caminho em busca de um futuro melhor, e não espero por coisas fáceis. Sou chata, brega, amiga, leal, fiel, prestativa, distraída, esquecida, impulsiva, falante, extravagante, extrovertida, medrosa, extremamente ansiosa, normalmente curiosa e tolerante, as vezes envergonhada. Mensageira da esperança, da palavra amiga. Admiro quem anda sozinho, mas não consigo. Fico feliz quando vejo um sorriso, quando o sonho se torna realidade mesmo q não seja meu. Satisfeita ao ver um casal de velhinhos em um restaurante, de mãos dadas. Choro quando assisto TV, quando sofro decepção, quando decepciono alguém e por saber que o mal está solto. Mas tranquila e muito feliz por saber que acima de tudo Deus existe, que é Amor, Justo, Fiel, Onipotente e Onipresente. Não tenho a família de meus sonhos, porém tenho força de vontade para criar uma, todos os passos são cuidadosamente analizados e percebo hoje que estou em uma posição muito a frente dos meus sonhos mais simples. Com a Graça de Deus Celestial. E com a certeza que Deus nunca me abandonou! Com a benção Dele, sinto que realizarei e viverei mais que sonhos. Desejo ver meus filhos crescer e que sejam felizes, ter mais filhos e adotar quando possível. Quero uma família grande, unida e repleta de paz e amor. Desejo que as pessoas conheçam a Paz, o Amor e o Poder que somente nosso Deus tem e pode nos dar. Desejo uma casa, no quintal: animais e um pé de jambo. Bem longe do Rio de Janeiro. Mas Deus sabe o que é melhor para mim. Afinal, sou mais que uma vencedora! Fui escolhida em uma corrida de milhões, fui vitoriosa e gerada. Gerei filhos saudáveis e lindos, perfeitos aos olhos de Deus, aos meus olhos... e verdadeiros Presentes Divinos em minha vida.

Calendário do Blog

outubro 2007
D S T Q Q S S
« set   nov »
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28293031  

Buscar Arquivos do Blog

Casos Arquivados

Categorias do blog

Member of The Internet Defense League

RSS Frases Pensador


%d blogueiros gostam disto: