25
jul
09

[DISTÚRBIO DO SONO] Tranquilizantes Indutores de sono Ansiolíticos: Sono artificial e perigoso?

Tranquilizantes, Ansiolíticos, Hipnóticos, Benzodiazepínicos

Também conhecidos como “Tarja Preta”

Fonte: Mental Help.

Não pense “que azar que eu preciso tomar um remédio”. Pense “que bom que existe um remédio para melhorar minha vida”.

São usados para estados de ansiedade, agitação, stress, insônia, TPM, Epilepsia, irritabilidade, somatizações, úlceras, gastrites, colites, doenças do coração, como potencializadores de anestésicos e de analgésicos, Síndrome do Pânico, Depressão, etc.

Você já deve ter notado que quase todos acabam com “zepam”. Isso é porque quase todos são derivados do Valium (Diazepam). Este é o grupo dos Benzodiazepínicos (BZD). O fato de serem derivados da mesma substância porém, não quer dizer que todos tenham o mesmo efeito.

Alguns provocam mais relaxamento muscular, outros mais relaxamento psíquico. Alguns provocam mais sono, quase todos tem ação antiepiléptica.

As pessoas se preocupam com razão em desenvolver dependência. Realmente, os Tranquilizantes podem produzir dependência, mas só depois de muito tempo de uso. Não é como cigarro, que você começa a fumar e nunca mais para.

Portanto, as doses que seu médico prescrever, pelo prazo que ele mandar você tomar, não vão transformar você num dependente.

Pense nisso: uma pessoa está sobrecarregada por problemas: sua casa está em reforma, seu novo chefe está exigindo demais, seus filhos precidam de ajuda nas lições.
O que é mais sensato?
Que essa pessoa tome um tranquilizante, relaxe e durma bem à noite de modo que tenha energia e paz de espírito para administrar tantos problemas ou
Que passe as noites em claro pensando nos problemas e no dia seguinte não se concentre em nada e chegue em casa irritado com a mulher  ou ainda
Que ele tenha uma úlcera ou um infarto?

Provavelmente, se você abusar de um tranquilizante, ele terá o efeito oposto ao desejado:
Dependência física e psíquica.
Tolerância.
Desinteresse sexual
Depressão.
Má qualidade do sono.
Cansaço e falta de energia durante o dia.
Déficit de memória recente e concentração.

Sono artificial e perigoso

O uso indiscriminado de drogas para dormir, além de causar efeitos colaterais, faz com que as reais causas do distúrbio de sono sejam mascaradas

O que é um alívio para quem quer se livrar de noites em claro, pode se tornar um pesadelo a longo prazo. Os diversos tipos de medicamentos usados para dormir nunca estiveram tão populares. “Existem inúmeras associações de fitoterápicos disponíveis no mercado brasileiro. Há ainda pelo menos três tranquilizantes indutores de sono, sem contar os benzodiazepínicos, mais conhecidos por tarja preta. E as pessoas têm procurado cada vez mais esses tratamentos”, explica Elyéia Hannuch, médica neurologista e presidente da Associação Paranaense de Medicina do Sono.

O crescimento na procura por tratamentos é resultado de uma afirmação unânime entre os especialistas da área: a qualidade do sono das pessoas está piorando à medida que o ritmo da vida moderna aumenta. “Nem sempre respeitamos as rotinas que nosso corpo exige. Somos feitos para dormir à noite e ficar acordado durante o dia, não para passar a noite acordado e dormir quando temos vontade”, afirma Alaídes Suzana Fojo Olmos, médica neurologista do Hospital Pequeno Príncipe.

Para Alaídes, os maus hábitos aliados ao uso inadequado de medicamentos começam na infância. “É comum ouvirmos pais dizerem que dão anti-histamínicos para que seus filhos durmam”, comenta. Na adolescência, dormir e acordar tarde é uma maneira de transgredir as regras. Depois, na vida adulta, o trabalho e os compromissos diários fazem com que os maus hábitos se consolidem. “O corpo não sabe que o executivo tem de trabalhar 24 horas por dia. O sono é postergado e, quando a pessoa resolve dormir, não consegue. Daí ela procura os medicamentos”, diz Alaídes.

O erro acaba sendo duplo: “Primeiro, que ninguém deve se automedicar; segundo, que os tranquilizantes e indutores do sono podem até fazer com que a pessoa pegue no sono, mas não resolve a causa do problema”, afirma a especialista.

Dependência

Um estudo do departamento de farmacologia da Universidade Federal do Paraná (UFPR) em parceria com a Universidade Federal de São Paulo (Unifesp), constatou que, em 2004, 61% dos pessoas que compraram benzodiazepínicos – classe de drogas para dormir que mais causa dependência –, em farmácias de Curitiba, tomavam o medicamento há mais de um ano. O uso contínuo dificulta a interrupção. Na pesquisa, 94% dos pacientes já tiveram insucesso ao tentar interromper o tratamento.

Os benzodiazepínicos são cada vez mais substituídos por tranquilizantes indutores de sono, que causam menos reações adversas. A dependência psicológica, porém, continua. “A pessoa não se acha capaz de resolver o problema sozinha. Criar uma rotina de sono ou procurar um tratamento adequado dá mais trabalho do que comprar um medicamento recomendado por um farmacêutico”, complementa Alaídes.

Existem catalogados pela literatura médica 84 distúrbios do sono de diferentes origens. O diagnóstico correto é feito com um exame chamado polissonografia – em que o paciente passa a noite em uma clínica e é examinado por 36 sensores colocados no corpo todo. “As pessoas costumam relacionar a insônia com distúrbios emocionais passageiros ou com situações mal resolvidas. Na realidade, existem diversas causas orgânicas que podem estar provocando o sono não restaurador. O diagnóstico feito por um especialista é essencial”, diz Attílio Melluso Filho, médico especialista em medicina do sono do Centro de Distúrbios do Sono de Curitiba.

Tipos

Saiba quais as classes de medicamentos mais utilizadas e os riscos do uso abusivo ou indiscriminado

Benzodiazepínicos
Têm capacidade ansiolítica ou tranquilizante e criam uma falsa sensação de sono, diminuindo o tempo que a pessoa demora para começar a dormir. A longo prazo causam dependência química e a curto prazo podem levar a déficit de memória, disfunção sexual e uma pior qualidade do sono. São vendidos apenas com receita médica, que fica retida na farmácia .

Indutores de sono São ansiolíticos que causam menos dependência e têm menos efeitos colaterais do que os benzodiazepínicos, mas podem causar sonolência durante o dia, cefaleia, náuseas e tonturas. Também são de tarja preta, vendidos com receita médica.

Fitoterápicos
São os chás de ervas naturais e os remédios industrializados feitos a partir de plantas, que induzem o sono, como camomila, valeriana e melissa. A venda é liberada, mas nem toda pessoa pode tomar. É contraindicado para grávidas.

Outros
Há uma série de drogas indicadas para o tratamento de outras doenças, que causam o efeito sedativo ou de relaxamento. São os remédios contra enjoo, alergia, gripe e os relaxantes musculares. O uso contínuo, além de mascarar a causa real da insônia, leva ainda a reações e a efeitos colaterais que podem aparecer muito tempo depois .

Fonte: Elyéia Hannuch, médica neurologista, presidente da Associação Paranaense de Medicina do Sono.

FONTE: Gazeta do Povo.

Métodos naturais

Indutores do Sono por meios naturais

Os melhores indutores do sono são os meios naturais:

Mantenha um horário regular para ir deitar à noite e levantar de manhã.

Engaje-se em exercícios ativos diariamente para melhor contra-atacar a fadiga mental e emocional. Caminhe, pratique natação, hidroginástica também é recomendada por médicos e psicólogos, ajuda na ansiedade, a natação é indicado para todas as idades, já a hidroginástica só não é recomentado para as crianças… Se tiver um jardim, trabalhe nele ao invés de assistir TV.

Evite de assistir tv no quarto, especialistas não recomendam ter uma televisão no quarto. Evite principalmente assistir tv perto de dormir. A não ser aquelas pessoas que já tenham como de costume dormir assistindo tv e não apresentam problemas como noite mal dormidas. Mas isso é uma excessão.

Tome um banho morno (não quente) ouvindo alguma música suave ao mesmo tempo em que diminua a luz ambiental para relaxar o corpo e a mente.

Torne o seu quarto o mais escuro possível, se possível, desligue aparelhos que fiquem em “Stand By”. Aqueles que ficam com uma luzinha vermelha ou verde. Isso vale para relógios digitais luminosos, exemplos: de vídeo cassete, de aparelhos de som, etc.

Se te incomodar, ou se por algum destes motivos o seu sono já foi interrompido, desligue ou evite ter relógios analógicos que fazem pequenos ruídos ao mover dos segundos e ponteiros. Se o problema de ruídos for do ventilador, opte por um silencioso. É o que promete alguns fabricantes. Até alguns fabricantes de ar-condicionados prometem isso. “Sem ruídos” ou “Silencioso”

Beba uma bebida morna. Mas evite cafeína, mesmo durante o dia. A cafeína é um estimulante que comumente causa insônia. Evite também os refrigerantes de “cola”, pois em sua fórmula contém cafeína. Exemplo: Coca-cola.

Evite tomar muito líguido, principalmente depois das 18h. Para evitar ter o sono interrompido durante a noite por idas ao banheiro.

Um estômago vazio promove um sono melhor. Coma sua refeição da noite várias horas antes de ir deitar e faça dela a mais leve do dia.

Tente estes simples exercícios para ajudar a relaxar: Faça um alongamento com rotação do seu pescoço em círculos lentos e largos, sorria e segure o rosto com o sorriso por uns 30 segundos e relaxe em seguida, levante as sobrancelhas, mantenha-as assim por 30 segundos e relaxe depois, inspire e expire profundamente algumas vezes e relaxe.

Evite ficar ruminando seus problemas do dia na hora de dormir e ficar pensando no que e como deverá ser o dia seguinte, isso causa ansiedade e não ajuda. Conte suas bênçãos (c0nquistas, alegrias) e encha sua mente com gratidão e agradecimentos.

» O máximo descanso é encontrado em Jesus. Deixe seus fardos com o SENHOR e aceite Sua paz e perdão.

» O SENHOR nos tem encorajado há trabalhar seis dias na semana e descansar no sétimo dia – este é Seu plano para um adequado equilíbrio entre o trabalho e o descanso.

FONTE (o texto acima sofreu algumas alterações): USB.

Veja também: [TUDO SOBRE] Tranquilizantes ou Ansiolíticos? [TARJA PRETA] Tranquilizantes, Ansiolíticos, Hipnóticos, Benzodiazepínicos

[TUDO SOBRE] Insônia e Indutores de sono [DISTÚRBIO DO SONO]

[TUDO SOBRE] Mania – Bipolar [TRANSTORNO AFETIVO BIPOLAR]

[TUDO SOBRE] Depressão e Depressão Pós-Parto [TRANSTORNO]

[TUDO SOBRE] Ansiedade e Ansiedade Generalizada [TRANSTORNO]


6 Responses to “[DISTÚRBIO DO SONO] Tranquilizantes Indutores de sono Ansiolíticos: Sono artificial e perigoso?”


  1. 1 Luiz Campos
    20 de outubro de 2014 às 13:00

    Achei muito bom essa página, esclarecedora e revigorante, parabéns, pois são de boas informações que muitos se curam, e principalmente no final onde diz que devemos colocar nosso fardo, só nNele mesmo é que vamos encontrar a verdadeira paz.
    Parabéns novamente e fique com Deus.

    Luiz

  2. 2 Sidnei
    20 de novembro de 2010 às 08:48

    Bom dia, sou portador de apnéia grau três, gostaria de saber a respeito da cirurgia,
    tempo, recuperação, eficacia e valor.
    Grato.

  3. 24 de outubro de 2010 às 13:34

    94% das pessoas com dificuldade de interromper a utilização de BENZO é alarmante ahn? Eu particularmente não tive esse problema após uso prolongado (6 anos). Mas “desmame” foi acompanhado por um bom profissional, e feito gradativamente. Hoje consigo dormir tranquilo sem nenhum “indutor”. Eu acredito que é possível retirar a medicação, mas, antes, é preciso ser feito um trabalho de educação “neurofisiológica” adequada. Parabéns pelo blog. Está com excelentes artigos, eu gostei! Will (bipolarbrasil – transtornos do humor).

  4. 4 andy
    28 de julho de 2009 às 06:08

    Amei o assunto, pois, tenho muito interesse em saber como administrar essa doença em minha vida… Obrigada!

    • 28 de julho de 2009 às 12:22

      No blog vc encontrará algumas dicas naturais, que te ajudarão, porém funciona muito bem com algumas pessoas, em outras não funciona nada, e em poucas mais ou menos… Porém nada se compara com o benefício que o médico especializado lhe trará. Se achar que não está dando certo, troque de médico. Consulte um médico!

      BOA SORTE!

      PAZ


Deixe seu relatório investigativo, ou mande beijo; dê seu palpite, ou bronca. Mas fale sério comigo!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


Ponto de Encontro:

Leitores do Blog:

  • 4,635,124 Visitantes

Visitantes Online

visitor stats

Seguir Fastlove:

Siga-me no Facebook

Dona do Blog:

Quem sou eu?
Aspiro com o dia em que não incomodarei as pessoas com minha sinceridade. No dia em que as pessoas não terão medo e nem vergonha de expor sua essência – dizer o que realmente pensam e querem. O fim da hipocrisia, do sujeito oblíquo. Com calma caminho em busca de um futuro melhor, e não espero por coisas fáceis. Sou chata, brega, amiga, leal, fiel, prestativa, distraída, esquecida, impulsiva, falante, extravagante, extrovertida, medrosa, extremamente ansiosa, normalmente curiosa e tolerante, as vezes envergonhada. Mensageira da esperança, da palavra amiga. Admiro quem anda sozinho, mas não consigo. Fico feliz quando vejo um sorriso, quando o sonho se torna realidade mesmo q não seja meu. Satisfeita ao ver um casal de velhinhos em um restaurante, de mãos dadas. Choro quando assisto TV, quando sofro decepção, quando decepciono alguém e por saber que o mal está solto. Mas tranquila e muito feliz por saber que acima de tudo Deus existe, que é Amor, Justo, Fiel, Onipotente e Onipresente. Não tenho a família de meus sonhos, porém tenho força de vontade para criar uma, todos os passos são cuidadosamente analizados e percebo hoje que estou em uma posição muito a frente dos meus sonhos mais simples. Com a Graça de Deus Celestial. E com a certeza que Deus nunca me abandonou! Com a benção Dele, sinto que realizarei e viverei mais que sonhos. Desejo ver meus filhos crescer e que sejam felizes, ter mais filhos e adotar quando possível. Quero uma família grande, unida e repleta de paz e amor. Desejo que as pessoas conheçam a Paz, o Amor e o Poder que somente nosso Deus tem e pode nos dar. Desejo uma casa, no quintal: animais e um pé de jambo. Bem longe do Rio de Janeiro. Mas Deus sabe o que é melhor para mim. Afinal, sou mais que uma vencedora! Fui escolhida em uma corrida de milhões, fui vitoriosa e gerada. Gerei filhos saudáveis e lindos, perfeitos aos olhos de Deus, aos meus olhos... e verdadeiros Presentes Divinos em minha vida.

Twitter

Calendário do Blog

julho 2009
D S T Q Q S S
« jun   ago »
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
262728293031  

Buscar Arquivos do Blog

Casos Arquivados

Categorias do blog

Member of The Internet Defense League

RSS Frases Pensador


%d blogueiros gostam disto: